Major Olimpio avisa que continuará sendo a pedra no sapato de Alckmin

O Deputado Federal Major Olimpio, no ano de 2017, organizou diversos protestos contra o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, em razão do descumprimento das Leis que asseguram o reajuste dos salários dos servidores públicos e dos militares do Estado de São Paulo.

Em mais de 10 eventos públicos, Major Olimpio protestou usando faixas e uma pequena caixa de som, fustigando o governador e até fazendo com que ele cancelasse a ida e a participação em alguns eventos oficiais.

O parlamentar de forma sempre ativa colocou-se como porta-voz dos servidores públicos e dos policiais civis e militares, não medindo esforços, chegando a barrar a saída do governador de um evento, se posicionando em frente ao carro, com faixa exigindo que ele cumpra a lei.

Entre os eventos, destaca- se a formatura de agentes penitenciários, no auditório do teatro da sala São Paulo, onde o parlamentar protestou por reajuste, e foi aplaudido pelos 900 formandos.

“Não tenham dúvida. Serei a pedra no sapato dele, em busca dos direitos de todos os cidadãos. Não me importa se o Alckmin está deixando o governo para ser candidato, continuarei me manifestando contra para dizer ao País todo quem é ele, e mostrar  todo mal que fez aos servidores e policiais do estado de São Paulo”, afirma.

Notícias Relacionadas